terça-feira, 2 de março de 2010

Retorno...

Bem... não tenho muito o que dizer sobre 12 horas de avião pois não tem nada mesmo de interessante, a não ser se eu comentasse dos filmes que assisti por causa da falta de sono que tenho no avião... hahahaha Mas um dia ainda viajo de primeira classe!!
Saí de Veneza para Roma e no aeroporto de Fiumicino (que é muito grande por sinal) eu e a Daiane demos uma olhada no Duty Free para fazer nossas últimas compras e encontramos com uma pessoa muito conhecida lá. Claro que tiramos uma foto com ele né?
Depois, então, embarcamos e partimos para São Paulo e de lá para Curitiba e na hora de pegar as minhas malas vi que o cadeado não estava mais alí ainda que os zíperes estavam fechados no lado da mala (eu só deixo o zíper na parte de cima (mania acho...)). Então! Me roubaram os dois jogos de play station que havia deixado na mala... Agora mais um problema para resolver! Bravo Brasile! hahahahaha
Mas só de chegar e ver toda a família, matar as saudades, entregar os presentes e tal ajudam a esquecer esse problema e tantos outros que devo resolver o mais rápido possível. Agora é voltar e me acostumar com a rotina que eu levava aqui.
A sensação que eu tenho aqui é boa mas já estou sentindo falta da terra dos meus antepassados...
Beijos

domingo, 21 de fevereiro de 2010

Barcelona

Olá Pessoal
Fiquei esse fim de semana pensando no que escrever depois que cheguei dessa viagem (que fiz sozinho) para Barcelona e descobri que a quantidade de sensações e emoções que passei lá não são medidas em palavras. Não sei se consigo descrever nesse post tudo o que senti, mas deixo aqui escrito o meu roteiro da viagem!
Peguei o avião na quarta a tarde em direção a Girona, que fica cerca de uma hora de Barcelona, e de lá um ônibus. De noite, na estação norte da cidade, graças ao mapa emprestado da Lu consegui me localizar rapidamente e seguir a pé para o albergue que ficava a uns 15 min.
Os albergues de Barcelona são muito bons por demandas e disputas acredito, pois quando cheguei lá me senti tão bem com o ambiente, com a cama e com os serviços que poderia ficar lá por mais tempo do que o planejado! Eles tinham até nintendo Wii para os hóspedes! hahaha Mas o que mais me agradou foi a música ambiente! Ahh! Nada como curtir um som que lembra das minhas baladas!!!
Enfim! Assim que acordei tomei meu café da manhã correndo, me aprontei e fui bater perna pela cidade e curtir o lindo céu azul! Se eu pudesse mostrar o trajeto que eu percorri em Barcelona nesse primeiro dia vocês não iriam acreditar... Eu não acredito que andei tanto assim... não sei se foi prática de andarilho que ganhei em todas essas viagens ou se foi o entusiasmo de estar em mais uma cidade para descobrir e saborear!
O que mais todas as pessoas falam por lá é sobre o famoso arquiteto Antoni Gaudí porque ele possuía um estilo próprio em relação a época em que viveu, foi criticado pelos seus contemporâneos e também porque está passando pelo processo de beatificação pelo Vaticano em função de suas obras que contemplavam as criações de Deus.
Aqui está a casa Batlló que me fez lembrar praia e mar na hora em que a vi. A minha preferida! hahahaha (Aliás... quem não gosta de praia???)
Depois passei pela frente da casa Mila, também conhecida como La Pedrera.
Uma das paisagens mais lindas da cidade encontra-se no Park Güell, onde o nome vem de um rico empresário industrial que fez grandes encomendas para Gaudí. Lá consegui ter uma maravilhosa vista da cidade em todos ângulos, assim como pude ver de longe os monumentos importantes.
Morro abaixo fui para o bairro da Sagrada Familia para contemplar a sua obra prima nunca terminada (extimativas para 2082...). Para mim é só tirar os guindastes e as telas que tá pronto! hahahahaha
Ainda no mesmo dia fui em direção ao Arco do Triunfo da Cidade e depois fui correndo para o mar ver os barquinhos ancorados, as gaivotas famintas, o vento gelado, o sol forte... Ah!!! A praia! hahahah
O mais importante!!!!! O que não se pode deixar de ver quando alguém for para Barcelona é o show da Font Magica que passa nas sextas e nos fins de semana em frente ao Museu do Castelo de Montjuic. É uma grande fonte que faz shows conforme as músicas! É um espetáculo imperdível e de arrepiar (de graça!!!! hahahaha)!
Voltando para a Padova, vendo o mau tempo já da janela do avião, peguei o ônibus do aeroporto e cheguei em casa com uma sensação de missão cumprida por tudo que havia planejado aqui na Europa durante esse intercâmbio, mas todas as experiências que tive lá e tudo o que passei só me deixaram com vontade de conhecer mais lugares e de explorar o mundo afora, porém devo me conter pois a viagem está chegando ao final! hahaha Não acredito como passou tão rápido!!! É a vida né? hahahaha
Beijos e saudades sempre!

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Carnevale di Venezia

Olá Pessoal

O carnaval de Veneza não chega a criar toda aquela paralização como no Brasil, onde ninguém trabalha e as cidades ficam vazias (no caso de Curitiba) porque todo mundo vai para a praia ou para um lugar melhor para curtir esses dias de férias. Porém quando chegamos (eu, a Lu e a Rosa) de trem a Veneza nos deparamos com um clima diferente daquele de turistas e barraquinhas de souvenires com precinhos absurdos.
Entre as ruas estreitas e as praças movimentadas a cidade parecia um formigueiro de pessoas e ainda assim era possível encontrar alguns fantasiados com máscaras e outros de alguma coisa qualquer (low cost costumes hahahaha).
Depois de sofrer como uma sardinha comprimida nas ruas chegamos na praça San Marco para ter uma visão geral do que é o carnaval Veneziano. No fundo havia um palco onde eles fazem desfiles e concursos de fantasias com direito a prêmios cobiçados selvagemente pelos participantes. Lutando contra as pessoas para chegar um pouco mais perto conseguimos então ver boa parte de um concurso de melhor máscara de carnaval, mesmo que algumas pessoas não estavam usando nenhuma (Boh!).
Apesar de todo o esforço para ir e aguentar aquela multidão valeu a pena essa pequena viagem pois renderam boas fotos de recordação.
Agora me preparo para a próxima e última viagem do intercâmbio. Que venha Barcelona!
Beijos e saudades sempre!

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Il miracoloso tiramissù di Stef

Oi Pessoal

Como o estágio está acabando, faltam pouquíssimas coisas para fazer e a saudade começa a tomar conta entre as pessoas que tive contato na universidade, decidimos fazer um almoço entre amigos para festejar simplesmente o fato que perdi de comer o tiramissù da Stef no natal do ano passado. Como ela me disse que não tinha ficado tão bom e que faria de novo para que eu pudesse prová-lo não tive como negar esse convite.
Porém, chegar lá com as mãos abanando achei que ficaria tão feio que decidi fazer alguma coisa. Uma receita fácil, porém bem carinha aqui na Itália... hahaha Decidi fazer brigadeiros para eles, mesmo sabendo que os italianos não custem coisas muito doces... foi um risco, mas queria fazer algo que fosse realmente da tradição brasileira de festinhas de aniversário... hauhahuauha
Enfim, cheguei lá com os tais docinhos e eles ficaram espantados com a tal habilidade do doceiro... hahahaha "Pensei que tivesse comprado em uma confeitaria!!!!" Ohhhhhhhhhhhhhhhh... hahahahaha Tá, modéstia à parte eles ficaram bonitinhos e bem saborosos (graças a minha amiga Lu!!!! (Tá bom, eu menti! hahaha)).
Entre pães com presunto cru e queijos moles, tortas de berinjela com queijos picantes e molho vermelho, e os meus preciosos brigadeiros, chegamos então no tão sonhado tiramissù artesanal! Não me contive e peguei dois pedações que comi em poucos instantes de tão bom!!! É tipo um pavezão com um creme feito com mascarpone (queijo típico da região de Friuli se não me engano), rum, outras coisas e coberto com cacau em pó... digno de um restaurante cinque stelle!!!
Enquanto festejávamos tiramos algumas fotos de recordação, aí vão duas onde a primeira é a Stef cortando o tiramissù e a segunda a Mara, que me ajudou todo esse tempo com o estágio na universidade (sentirei muita falta das risadas e das brincadeiras que tiravam qualquer dia da rotina!).

Beijos e saudades sempre!

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

£ondres

Olá pessoal

Entre ficar o fim de semana escrevendo o fim do relatório e viajar preferi pegar o meu voo para londres de quinta a domingo. E não deu outra! Se tivesse ficado aqui ficaria vendo a "bela" neve caindo do céu o tempo todo e ainda mais sem internet, pois fiquei sabendo que de repente essa bendita rede deu um surto italiano! hahahaha
Chegamos (eu e a minha amiga do RS) a Stansted (mais ou menos 1 hora de capital inglesa), fraquejamos no inglês na hora de explicar o que estávamos fazendo no Reino Unido e finalmente ganhamos os tão esperados carimbos nos nossos passaportes!
Pegamos o Easybus por 8 pounds (aliás! O pound é muito bonitinho!!! Amei! hahaha) e durante toda a viagem tivemos que aguentar os espanhois fazendo algazarra no ônibus com suas garrafas de bebida e músicas espanholas estranhas! hahahaha Vamos dar um desconto... eles não tomam semancol... hahahaha Experiência de meses aqui na residência...
Chegando em Londres, o tempo chuvoso, pegamos um engarrafamento inglês super chique e depois um banho de chuva inglês invejável até nos acharmos na cidade e encontrarmos o albergue. Não foi o melhor lugar que fiquei aqui na Europa, mas dava para dormir sossegado, tirando que ficava em cima de um pub e que no meio da noite chegavam para dormir alguns hóspedes embriagados e ainda por cima fazendo barulho.
Nesses 4 dias que fiquei em Londres deu para ver como é o estilo da cidade e do modo de vida lá. Os londrinos se vestem bem, são muito bem humorados (diferente dos italianos daqui do norte), os mais velhos tem os dentes ruins, mas os mais jovens não (ou ainda não né???).
Coloco aqui algumas fotos dos lugares mais interessantes que achei, pois vocês já sabem que a internet aqui é uma porcaria e não consigo colocar todas as fotos que quero. Mas quem me tem adicionado no perfil do orkut poderá ver as outras!
Palácio de Buckingham
British Museum
Catedral de Saint Paul
Cabine telefônica
O Big Ben
London Eye
Casa de Sigmund Freud
Plataforma 9 3/4 em King's Cross
Madame Tussauds
Bem, espero poder fazer mais algumas viagens para poder preencher esse blog com coisas divertidas até o fim do meu intercâmbio.
Abraços e saudades sempre!

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Milão

Olá pessoal

No meio de tanta coisa para fazer consegui arranjar um tempinho esse fim de semana para ir a Milão numa missão coordenada pela minha mãe. Em outras palavras, fui lá para ver e tirar fotos do Teatro Alla Scala, onde meu bisavô cantava na época de ópera.
Após três horas de trem regional, que foram um pouco cansativas, enfim me deparei com o que realmente é Milão. É realmente uma cidade grande, com muita coisa para ver, mas ninguém sabe te explicar o que procurar por lá. Então fui pelo centro da cidade onde que tem os pontos mais importantes de lá como o Duomo (aquele que foi jogado na cara do Berlusconi), a grande galeria, o Teatro Alla Scala e o castelo de Milão.


Uma coisa curiosa que tem na galeria de milão é o buraco da sorte. É um brasão de touro que no lugar do 5º membro tem um buraco onde todos que passam por alí giram sob seus calcanhares (3 vezes) para trazer sorte.

Eu, como gosto de superstições, não deixei de fazer e ainda por cima gravei mais esse mico... hahahha Vejam aí (não reparem que o vídeo está de lado. Acho que não tem como arrumar isso...).

video

Engraçado que nesse dia em especial por onde eu passava encontrava casais chineses e suas limusines em fotos bizarras pela cidade, como essa que eu tirei na praça em frente ao Duomo.


Confesso que fiquei com nojo da cena e também com peninha dos noivos porque todos alí tavam meio que tirando sarro da esquisitisse. Mas fazer o que? Não é todo mundo que casa em Milão, certo? hahaha

Para terminar, tirei uma foto com a Madame Buterfly dentro do castelo. Tentei fazer uma cara de choro para dar um ar dramático na foto mas acho que não consegui... vocês sabem que eu só dou risada né?? hahaha

Até o próximo post! Beijos e saudades sempre!

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Aprés midi a Paris!

Olá pessoal

Para começo de conversa não tenho como contar tudo o que me aconteceu nesses surpreendentes 15 dias que passei em Paris, mas farei um breve resumo de tudo que fiz lá.
Paris é bem menor que Curitiba, mas tem muito mais coisas para ver do que na minha cidade natal, ou seja, fiquei pouquíssimo tempo para ver tudo o que eu queria.
Os primeiros 5 dias fiquei praticamente como andarilho junto com o Rafa andando pela cidade e conhecendo os lugares próximos ao estúdio dele que fica na praça da Bastilha. Olhem a vista que ele tem da janela!

Passei pelas margens do rio Sena e vi o Hôtel de Sully, o Hôtel de Ville, o Museu do Louvre por fora, o Jardin des Tuileries a Champs Elysées e a roda gigante que colocaram no final da avenida, a Place de la Concorde, o arco do triunfo e óbvio que parei para tirar umas fotinhos da Tour Eiffel.


Ah! E para eu que sou um fã do filme "O fabuloso destino de Amélie Poulain" não pude deixar de visitar os lugares do filme como o Sacre Coeur, o canal Saint Martin, o Les Deux Moulin e a Gare du Nord.

A foto do Les Deux Moulin e o vídeo de eu e o Gui (amigo brasileiro que conhecemos em Paris) quebrando a casquinha do Creme Brulée (que por sinal é bom!) estão com ele. Por isso não tenho como colocar no blog. Quem sabe depois! Farei um tópico especial para a sobremesa! hahahaha
Gastei um dia inteiro para visitar o Château de Versailles. Fui de metrô para lá, então tive que pegar a linha RER (metropolitano), que é muito confusa pois são metrôs da mesma linha que têm destinações diferentes. E eu, para variar, quase que pego o trem errado e quase que vou para o Château de pqp! Sorte minha que bateu a intuição, saí do trem e fui pedir informação! hahaha Nada melhor né?

Lá no Château conheci 3 japonesas muito engraçadinhas, que logo fiz amizade com elas. As três moram e trabalham e Tóquio e estavam em Paris para passar o fim de ano, ou seja, catástrofe total porque todo mundo pensa que é uma maravilha o Reveillon aqui. Mas realmente é uma coisa de espantar! Muito tumúltuo, muito turista, muito pobre, muitos furtos e assim vai! hahahaha Mas foi divertido!


Depois do ano novo uma das visitas que mais me supreenderam foram as catacumbas de Paris! Um caminho subterrâneo onde se encontram ossadas de 8 milhões de pessoas! Meu amigo leu que Robespierre da Revolução francesa está lá... mas ninguém sabe onde né?? hahahaah Vejam as fotos!



Só sei que a viagem de volta quase me fez chorar e me deu vontade de ficar lá porque realmente foram dias que estão me fazendo falta desde já!
Beijos e saudades sempre!